Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Tudo-Sobre-A-TV

MAIS DO QUE UM BLOG SOBRE TELEVISÃO

Tudo-Sobre-A-TV

MAIS DO QUE UM BLOG SOBRE TELEVISÃO

TVI quer mais canais temáticos no cabo

Depois do arranque do TVI 24, o canal de Queluz de Baixo está a preparar novos canais para o cabo.

José Eduardo Moniz e Bernardo Bairrão assumem novos cargos no grupo

"Ficção e informação são determinantes no carácter de uma televisão", diz José Eduardo Moniz. O director-geral da TVI pretende que a estação de Queluz tenha "mais canais temáticos, no cabo, além do TVI 24".
Para Moniz, a viabilização destes projectos depende das "negociações com a Zon Multimédia". A TVI quer, assim, seguir o trajecto da "SIC que já tem uma oferta segmentada" com os canais por cabo. "Esperamos lá chegar, mas ainda não temos datas precisas. Demorámos oito anos para conseguir o TVI 24. Por pouca sorte nossa, foi lançado em tempo de crise. Mas acho que somos úteis. Portugal precisa de gente que fale directo sem muitos ‘rodriguinhos’", frisa.

Este canal de notícias é, segundo Moniz, um modelo diferente do idealizado: "O TVI 24 não se financia no mercado publicitário, como o faz a TVI. Obviamente, falamos no contexto do acordo celebrado com a Zon. Sendo um modelo de negócio diferente, a nossa capacidade de lançar o TVI 24 e de o manter torna--se mais fácil. Embora nos obrigue a ter uma estrutura diferente daquela que idealizámos há oito anos."

Ontem, na Assembleia Geral de accionistas da Media Capital, Bernardo Bairrão foi nomeado administrador delegado do grupo, substituindo Manuel Polanco. "Espero dar o meu contributo neste grande grupo e ver se sou capaz de manter os grandes resultados atingidos nos últimos anos", revelou. Jaime d’Almeida foi igualmente aceite como presidente da empresa, substituindo Joaquim Pina Moura. José Eduardo Moniz integra o Comité de Desenvolvimento Audiovisual do grupo Prisa. 

1 comentário

Comentar post