Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Tudo-Sobre-A-TV

MAIS DO QUE UM BLOG SOBRE TELEVISÃO

Tudo-Sobre-A-TV

MAIS DO QUE UM BLOG SOBRE TELEVISÃO

CAEM promete terminar guerra

Canal público e estação de Queluz têm estado em conversações com António Casanova, que substituiu Luís Marques como presidente do organismo.

A polémica em torno das audiências pode estar perto do fim e com recurso à autorregulação. Há duas semanas, a RTP e a TVI reuniram-se com o presidente da Comissão de Análise e Estudos de Meios (CAEM) e ficaram de entregar "uma lista de três ou quatro pontos que querem que sejam verificados no funcionamento do painel de audimetria da GfK", contou ao CM António Casanova, presidente da CAEM.

A RTP não revela que pontos pretende ver ‘ajustados’, mas garante que "tudo fará para encontrar uma solução comum a todos os intervenientes do processo, dentro do espírito de autorregulação" e que "responda com clareza e transparência às necessidades do mercado". Para isso, confirma ao CM fonte oficial do grupo público, tem mantido contactos com o novo presidente da CAEM. Já a TVI não fez nenhum comentário.

Ao que o CM apurou, os canais que abandonaram na presidência de Luís Marques, não vão apresentar uma lista conjunta.

António Casanova acredita que irá receber os pedidos em breve. "Após a sua análise, acreditando que se trata de uma lista sensata, reuniremos com as televisões para validar esse pontos", diz ao CM, acrescentando que a GfK "está disposta a aceitar qualquer decisão que a CAEM tome a partir da análise ao pedido dos canais".