Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Tudo-Sobre-A-TV

MAIS DO QUE UM BLOG SOBRE TELEVISÃO

Tudo-Sobre-A-TV

MAIS DO QUE UM BLOG SOBRE TELEVISÃO

Crise põe fim a contrato entre Nuno Graciano e SIC

Ao fim de uma década de exclusividade, Carnaxide não renovou contrato com o apresentador. Graciano garante que decisão foi tomada pacificamente. "Agora sou um homem livre".

"A iniciativa de não renovar contrato no canal não tem só que ver comigo. À semelhança do que se passa na TVI, tive uma conversa com a SIC e chegamos à conclusão que, no momento em que estamos, não fazia sentido manter essa relação de exclusIvidade", confirma Nuno Graciano, numa clara alusão ao modelo de poupança que os canais têm aplicado. O apresentador de formatos como 'Tás Aqui 'Tás Apanhado, Não Há Crise ou Flagrante Delírio sai "triste", mas assegura que "se tratou de uma conversa muito agradável em que ninguém foi despedido ou demitido" e que terminou, afirma, "com Júlia Pinheiro [diretora de Conteúdos da SIC] a pedir-me para apresentar projetos à estação". "Agora sou um homem livre", reitera, prometendo novidades para janeiro. "Depois de dez anos a fazer televisão e com ótimos resultados, estranho seria se não tivesse propostas de outras estações, tenho um mercado aberto", frisa Graciano, que pisca o olho a novos canais e a novas funções "que podem passar não só pela apresentação". Para já, jura que "o tempo é de reflexão".