Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Tudo-Sobre-A-TV

MAIS DO QUE UM BLOG SOBRE TELEVISÃO

Tudo-Sobre-A-TV

MAIS DO QUE UM BLOG SOBRE TELEVISÃO

TVI sai de Queluz de Baixo para cidade cenográfica

Instalações de Queluz de Baixo deixam de ser a sede do quarto canal português, passando a ocupar lugar na nova cidade cinematográfica que nascerá em Almargem do Bispo, num investimento de 50 milhões de euros. A NBP passa a chamar-se Plural Entertainment Portugal

A sede da TVI vai sair de Queluz de Baixo, onde está desde a sua fundação, em 1993. De acordo com Manuel Polanco, administrador-delegado da Media Capital, as instalações do quarto canal vão ser transferidas para o mesmo local onde irá funcionar a cidade cenográfica da Prisa (detentora da Media Capital), também no concelho de Sintra, provavelmente na zona de Almargem do Bispo.
"Temos tido conversas alongadas com a Câmara de Sintra. Nas próximas semanas poderemos atingir um acordo com eles", revelou Manuel Polanco, ontem num almoço no Funchal com a comunicação social, poucos minutos antes de uma reunião, acompanhado por José Eduardo Moniz, com Alberto João Jardim por causa da nova telenovela Flor do Mar, que é passada na ilha da Madeira.
"Temos vindo a estudar várias hipóteses à volta de Lisboa e a escolha definitiva terá em conta os requisitos necessários para as nossas necessidades", afirmou o responsável pela Media Capital. E quanto custa este projecto? "Entre 40 e 50 milhões de euros", respondeu ainda Manuel Polanco. Quanto a datas, tudo depende da evolução da crise mundial. "Temos de equacionar quando avançaremos com este projecto. A crise ainda não atingiu Portugal de uma forma forte, por isso vamos adequar o investimento de acordo com a dimensão da crise, mas poderemos ter de atrasá-lo", revelou ainda.
A cidade cenográfica, além da sede do canal, vai ainda comportar os estúdios onde são gravados os programas de ficção, tanto de Portugal como os do canal espanhol Cuatro, também da Prisa.
E a NBP, que produz todas as telenovelas da TVI, assim como as sé-ries, vai passar a chamar-se Plural Entertainment Portugal para unificar a designação com a Plural Entertainment Espanha e Plural Entertainment América. Recorde-se que a NBP significa Nicolau Breyner Produções, uma designação herdada do nome do actor português, que entretanto deixou de ser o proprietário.
Porém, o projecto que vai ver a luz do dia mais brevemente é o canal de notícias TVI 24, que José Eduardo Moniz reafirma ser lançado no ar no início de 2009, sem especificar uma data específica. E reforços? "Já temos apontados quais são os jornalistas que pretendemos contratar. Iremos convidá-los ao ritmo que é aconselhável. Mas a estrutura de base está na TVI. Vai existir apenas um reforço nas áreas que se entenda acrescentar meios, nomeadamente a área redactorial, área técnica e sobretudo na área da produção", explicou Moniz.

 

2 comentários

Comentar post