Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Tudo-Sobre-A-TV

MAIS DO QUE UM BLOG SOBRE TELEVISÃO

Tudo-Sobre-A-TV

MAIS DO QUE UM BLOG SOBRE TELEVISÃO

Moura Guedes resiste a sair da TVI

Moura Guedes resiste a sair da TVI

A administração da Media Capital, empresa que detém a estação de Queluz, está a tentar negociar com a jornalista a sua rescisão com o canal. Mas a pivô do extinto 'Jornal Nacional' não quer deixar a televisão.

Manuela Moura Guedes já o tinha dito ao DN: "Não vou para o desemprego engrossar a lista de meio milhão de desempregados deste país". E mantém a posição junto da administração da Media Capital, grupo que detém a TVI.

A empresa pretende rescindir com a pivô do Jornal Nacional de 6.ª Feira mas Manuela Moura Guedes resiste a chegar a um acordo, dizendo que precisa do trabalho.

Segundo apurou o DN, o impasse nas negociações com a jornalista resulta numa indefinição quanto ao nome, ou nomes, da futura direcção de informação da TVI.

A administração da empresa, liderada pelo espanhol Miguel Gil, mostra-se interessada na recondução de João Maia Abreu e Mário Moura nos seus cargos de director de informação e director-adjunto, respectivamente, mas os dois jornalistas têm-se mostrado relutantes em assumir estas funções sem Manuela Moura Guedes, que exercia funções como sub-directora na anterior estrutura.

A indefinição resulta da demissão em bloco da direcção de Informação da TVI, na sequência da suspensão do programa Jornal Nacional de 6.ª Feira, na quinta-feira, a 24 horas do regresso do noticiário de Manuela Moura Guedes ao ecrã, por ordem da administração da Media Capital. Enquanto o caso não se resolve, a direcção de Informação mantém-se em funções interinamente.

Na direcção de Programas, também há indecisão. Luís Cunha Velho é o director interino desde a saída de José Eduardo Moniz, a 5 de Agosto, e há três hipóteses em cima da mesa: a recondução de Cunha Velho, a nomeação de Júlia Pinheiro ou a contratação fora da empresa.

2 comentários

Comentar post